Colcha de Retalhos

"O homem é um deus quando sonha e năo passa de um mendigo quando pensa." Holderlin

Textos

O FOTÓGRAFO - DIDIER LEFRČRE E EMMANUEL GUIBERT

“Tem horas em que penso no Tintim, ele é realmente incrível, às vezes da a impressão de estarmos passando exatamente onde ele passou.”

O relato do fotógrafo Didier Lefrère sobre sua viagem ao Afeganistão em 1986 é o ponto de partida para a composição de um livro instigante com fotografias tiradas pelo “personagem” e com os quadrinhos e textos escritos e desenhados por Emmanuel Guibert.

O fotógrafo atravessa a fronteira do Paquistão clandestinamente durante a ocupação soviética acompanhando a equipe da MSF - Médicos Sem Fronteiras e uma caravana de traficantes de armas. Didier Lefrère esmiúça os preparativos: a confecção do enxoval com as vestes típicas, o aprendizado básico do idioma, o batismo, a compra dos cavalos e burros nos campos de refugiados, os encontros no American Bar e a presença dos observadores de guerra internacionais.

As fotografias desnudam um mundo além das palavras, feições, agonias e paisagens. A beleza natural do Afeganistão com as montanhas, despenhadeiros e córregos em contraste com a tensão das fisionomias retratadas. A fragilidade das crianças, mulheres e velhos e a força dos combatentes... Em alguns flashes, o fotógrafo consegue resgatar a infância numa criança “plantando bananeira” ou o olhar arregalado do homem que sobreviveu ao calvário e reencontrou a caravana.

As Narrativas sobre a arte da fotografia, o papel desempenhado pelas organizações humanitárias e as mutilações da população, refém da guerra, aprofundam o conteúdo dos quadrinhos e despertam a atenção dos leitores para uma realidade além das exposições.

A fotografia é fundamental para a memória histórica. Quando as palavras são apagadas, resta a imagem gravada que não deixa embotar o sentimento.

O Fotógrafo é um livro indispensável para os que querem compreender o mundo em suas fragmentações históricas e perspectivas, mas também é uma narrativa lúdica que nos faz relembrar as aventuras de Tintim, histórias em quadrinhos criadas pelo belga Georges Remi (Hergé) em 1929. Tintim é o personagem repórter que, junto com o marinheiro beberrão e de bom coração Capitão Haddock, e o cientista Professor Girassol, revela diversos locais do mundo e possibilita a compreensão das plurais realidades.

Didier Lefrére foi oito vezes ao Afeganistão desde 1986 e retratou diversos momentos históricos, entre eles, o fim da invasão soviética em 1989 e a ocupação de Cabul pelo regime Talibã em 1996. O Fotógrafo é uma obra em três volumes. A leitura do primeiro encerra com o desejo de iniciar a análise dos demais.

Helena Sut
Enviado por Helena Sut em 22/12/2006
Alterado em 05/01/2007


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras